(11) 98917-1742 - (11) 99279-6668 - (11) 2464-9641
vendas@ductbusters.com.br
(11) 98917-1742 - (11) 99279-6668 - (11) 2464-9641

Para que serve a Análise Microbiológica do Ar?

Você sabia que a análise microbiológica do ar é fundamental em indústrias, empresas e edifícios coletivos que possuem ambientes climatizados? Se a sua resposta foi “não”, saiba que você não é uma exceção. Na verdade, muitas pessoas responsáveis pela manutenção desses ambientes sequer sabem do que se trata essa análise.

Contudo, ela é indispensável. Inclusive porque, além de ajudar a evitar eventuais problemas de saúde, também diminui o risco de ocorrerem ônus legais (multas).

Quer entender esse assunto detalhadamente? Então continue lendo e veja para que serve a análise microbiológica do ar!

Por que a análise microbiológica do ar é essencial?

Especialmente em períodos mais quentes, a climatização é indispensável em locais como empresas, indústrias e edifícios coletivos. Diante disso, os aparelhos de ar-condicionado se tornaram essenciais.

Porém, eles carregam um perigo invisível: a proliferação de agentes (vírus, fungos, bactérias…) em seus dutos e, consequentemente, no ambiente como um todo, podendo causar alergias e problemas respiratórios.

Por isso, é crucial realizar a manutenção periódica do ar-condicionado. E é nesse ponto onde entra a relevância da análise microbiológica do ar.

Identificação de microrganismos e avaliação da qualidade do ar

A análise microbiológica do ar serve para duas coisas específicas:

  1. Identificar a presença (nos dutos do ar-condicionado) de microrganismos nocivos à saúde; e
  2. Avaliar a qualidade do ar no ambiente em questão.

Na prática, ela avalia se o ar que está circulando naquele ambiente está adequado no sentido de não prejudicar a saúde de quem o respira.

Como ocorre essa análise microbiológica e qual o seu papel no âmbito legal?

Essa análise começa com a coleta (com equipamentos específicos) de amostras do ar do ambiente que se deseja avaliar. Depois, são realizadas (em laboratório) avaliações relativas a diversos aspectos que determinam a qualidade do ar.

Sobre o “papel legal” da análise microbiológica do ar, pode-se dizer que ela é importantíssima. Em ambientes climatizados de uso público e/ou coletivo, essa análise é obrigatória, devendo ser realizada semestralmente. Isso vale para locais que possuem aparelhos de ar-condicionado cuja soma total da carga térmica seja superior a 5 TR (60.000 BTU/h).

Trata-se de uma recomendação presente na Resolução 09 da ANVISA (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) e aplicável no âmbito do PMOC (Plano de Manutenção, Operação e Controle). Sendo que, desde 4 de janeiro de 2018, quando foi sancionada a Lei Nº 13.589, a aplicação do PMOC é obrigatória.

Descumprir essa exigência, além de ser um risco para a saúde das pessoas que frequentam o ambiente, pode acarretar multas. Por isso, é essencial atentar-se para essa questão.

A análise microbiológica do ar serve para preservar a saúde e também para garantir a adequação ao dispositivo legal (referente à aplicação do PMOC). Trata-se de uma questão efetivamente muito relevante. Tanto que, caso seja negligenciada, pode gerar diversos ônus.Entre em contato com a Ductbusters e fale com a nossa equipe para agendar a limpeza do seu ar-condicionado!